Pimentas Online Pimentas Online
Você está em: Home » Pimentas » Cultivo » Cuidados e Manutenção

Cuidados e Manutenção

Cultivo

Tópicos da Seção Cultivo:

1 - Introdução
2 - Sementes
3 - Plantio das Sementes e Germinação
4 - Transplante
5 - Cuidados e Manutenção
6 - Florescimento e Polinização
7 - Podagem
8 - Colheita
9 - Pragas e seus tratamentos

5 - Cuidados e Manutenção:

Irrigação

A irrigação é um dos pontos mais importantes no cuidado e manutenção de sua pimenteira. É importantíssimo o controle da umidade da terra, para evitar queda de folhas e frutos. A pimenteira não resiste por muito tempo em solos extremamente áridos.

Vale a pena salientar que não deve-se encharcar o solo, pois as raízes podem apodrecer e coseqüentemente destruir a planta .

Observação: algumas pessoas utilizam-se da técnica de pausas longas e excessivas da irrigação para forçar, através da aplicação de stress na planta, o aumento do crescimento dos frutos. Obtem-se bons resultados, mas muito cuidado deve ser tomado para evitar o enfraquecimento da planta! Normalmente a irrigação é suspendida até que as folhas da planta comecem a cair, como ocorre quando as plantas começam a murchar. Assim que a pimenteira chega a esse estágio, rega-se normalmente por 1 ou mais semanas e depois novamente aplica-se o stress sobre ela. Muito cuidado porque qualquer descuido pode fazer com que você perca sua planta.

Normalmente irriga-se de 1 a 2 vezes por semana, evitando-se ao máximo que a água contenha qualquer quantidade de sal, pois as pimenteiras são extremamente intolerantes a ele. A falta de umidade da terra pode ocasionar em crescimento ou desenvolvimento debilitado e anormal de flores e folhas, resultando no não desenvolvimento de frutos de forma saudável.

Ao irrigar, derrame a água apenas na terra ao redor da planta, nunca em seus frutos e folhas. Eles podem apodrecer, adquirir fungos ou doenças com mais facilidade e em muitos casos ocasionar a perda de sua planta.

Adubagem

As plantas do gênero Capsicum apreciam solos com abundância de nutrientes. Sabe-se que as pimenteiras são extremamente resistentes a certas condições de solo e clima que seriam normalmente considerados como impróprio para seu cultivo. Mas isso não deve ser motivo para deixar que cresçam sem muita atenção.

Para nós é sempre importante expandir o conhecimento para que mais e mais pimenteiros mantenham a empolgação e apreciação no cultivo dessas plantas. Por isso fizemos alguns testes e encontramos algumas dicas interessantes que desejamos compartilhar com você.

Nitrôgenio, potássio, fosfóro, dentre outros, são elementos que auxiliam e muito na formação e crescimento de raízes, folhas e frutos.

Com relação a adubação, a regra "quanto mais melhor" não deve ser aplicada. Se você fornecer muito adubo para planta, principalmente se os frutos nem se quer apareceram, vai fazer com que a planta tenha muitos galhos, folhas com crescimento excelente mas com poucos frutos.

Se no segundo estágio do transplante da muda para seu local definitivo de cultivo você utilizou o adubo na preparação da terra, é necessário apenas uma manutenção a cada 20 dias , utilizando adubo liquido diluido na água de irrigação na proporção indicada na embalagem do adubo. Caso você tenha utilizado a terra de forma direta, apenas preparada com o humus ou substrato, faça a manutenção com o adubo liquído a cada 14 dias. As orientações anteriores devem ser feitas até que ocorra o surgimento das flores.

Assim que as flores surgirem, inicia-se aplicação de adubo liquido semanalmente. Normalmente utilizamos o mesmo adubo indicado para o cultivo de tomate.


Proteção contra rajada de ventos fortes

É importantíssimo proteger sua pimenteira de baixas temperaturas (caso você esteja numa região que apresente essas condições climáticas) e principalmente contra rajadas de ventos extremamente fortes. Isso pode prejudicar em muito o desenvolimento da planta e conseqüentemente suas flores e frutos.

Apenas algumas variedades de plantas da espécie Capsicum pubescens conseguem suportar baixas temperaturas (entre 5°C a 10°C). Mas em sua maioria, as pimenteiras são sensíveis a baixa temperatura.


Cuidados com a exposição a luz solar

Suas pimenteiras requerem muita luz (principalmente solar) para desenvolverem-se de forma plena e saudável. Apenas como lembrete, evite a exposição direta e excessiva da luz solar principalmente entre os horários das 10:30 a 16:30.

Uma incidência muito forte de luz solar pode queimar flores e folhas, bem como seus frutos.


Sustentação artificial

Algumas variedades possuem frutos extremamente pesados para a estrutura da planta (por exemplo, o Pimentão ou a Cubanelle). Para evitar danos a estrutura de sua planta, será necessário sustentá-la com suportes feitos manualmente, como tiras de bambu e barbante.

Tópico Anterior: 4 - Transplante
Próximo tópico: 
6 - Florescimento e Polinização

 

Referências Gerais:

The Smithsonian Institute
Bioversity International
Discover Magazine

- * - * -

Newsletter:

Deseja estar sempre atualizado com as novidades e dicas do PimentasOnline.com!?

Basta cadastrar-se em nosso Newsletter digitando seu nome e e-mail no campo localizado abaixo do menu e logo em seguida clicando em OK!

É rápido e totalmente gratuito! Aproveite! 

Facebook